quinta-feira, janeiro 22

trabalhar aqui ou trabalhar ali, eis a questão

Tenho problemas em tomar decisões. Sou insuportável. É um problema que me contamina por todos os lados – olhar para as prateleiras do supermercado é um suplício, a área dos iogurtes é o cabo das tormentas, escolher um par de ténis pode demorar horas a fio, tomar opções no cabeleireiro é um inferno e escolher um filme na blockbuster é complicadíssimo.

Coisinhas simples, como é evidente. O verdadeiro sofrimento surge quando tenho de assumir escolhas que, inevitavelmente, vão definir a minha vida.

Eu penso, repenso, faço listas mentais de prós e contras, peço opiniões, ouço conselhos, tento ser racional, tento ser emocional, faço uma salada cerebral tão fodida e fico tão exausta que chego a temer por mim. Passo por crises que chocariam carpideiras e autistas mas depois lá me decido – “é isto, pronto, não se fala mais nisso”.

É nesse exacto segundo que cai sobre mim um alívio tremendo. Sabem quando temos a bexiga elasticamente expandida até limites muito pouco razoáveis? Eu às vezes, sou tão preguiçosa, que aguento até quando já só me consigo arrastar até à WC mais próxima como se tivesse esclerose múltipla. Mas depois, alegria das alegrias, lá tenho um orgasmo urinário tão engraçado que fico pronta para outra.

Tudo isto para dizer que estou à rasquinha. E não me posso rir, senão, lá sai uma gotinha ou outra.

6 comentários:

crème fraîche disse...

LINDOR =D

Miss Pu disse...

loll

E escolher num menú de restaurante??

Um drama. O drama!

Mr. M disse...

Correção ao post: Escolher um par de ténis pode demorar 6 horas e 15 minutos, que foi o que levou a escolher as suas Adidas muito jeitosas! :P

(tenham em conta que fomos aí a 7 ou 8 lojas diferentes em sítios relativamente distantes uns dos outros.)

R.L. disse...

seja lá qual for a escolha, boa sorte com ela! sofro do mesmo mal, deve ser do signo, vá que eu sei q tu gostas de gozar com signos, sabes que os balanças são mt indecisos, a pior coisa q me podem dizer é "decide tu". que aí eu tenho verdadeiros ataques de bipolaridade e tranmorfo-me em bicho azedo e digo indignada "decide tu? decide tu porquê, sou sempre eu a decidir!" - mentira, claro está.

medusasss disse...

Quanto mais depressa decidires menos sofres, e escusas de sujar as cuequinhas.

joao disse...

nao sou balança e tb sou assim..tirando a parte do urinar, é claro...