sábado, junho 6

lucky lady (# 6182394720000)

Nestas últimas semanas dediquei horas (muitas horas) à procura do meu passaporte português. A última vez que o tinha usado foi há quatro ou cinco anos numa ida a Marrocos e depois disso juro a pés juntos que o vi já nesta minha casa, mas o que é facto é que não o encontrei.

Por isso hoje foi o dia de me deslocar à famosa Loja do Cidadão para tratar deste assunto.
Cheguei cerca de uma hora depois da abertura de portas e dirijo-me à recepção:

- Bom dia, para tirar o passaporte, onde é?
- É no segundo piso mas não vale a pena que não temos mais senhas.

Pronto, eram más notícias, é verdade. Ainda assim, subi as escadas, confiante, e dirigi-me ao balcão:

- Olá. Uma perguntinha: aqui a maquineta das senhas diz que não há mais senhas. Como não há mais senhas? Eu vou viajar, tenho de ter um passaporte!

- Pois aos sábados é assim.

- Pois mas eu trabalho de 2ª a 6ª, não posso faltar senão sou despedida por justa causa, portanto restam-me os sábados. E eu no próximo sábado não posso mesmo (olhinhos de bambi, boquinha de nenuco chorão) e no outro terei de estar no aeroporto com o passaporte que tanto preciso (olhinhos marejantes de bambi, boquinha de trissómica)

- Pois, não posso fazer nada. E agora tenho de atender esta senhora, lamento.

- Pois mas como é que é? Eu fui roubada, tenho lá culpa! Roubaram-me o passaporte! O que é que uma pessoa faz nestas circunstâncias?? Peloamordedeus, tem de haver alternativas!!

- Pois mas não há. Agora terá de sair aqui do balcão se faz favor. Bom dia.

Retirei-me com a maior elegância que consegui e encostei-me à parede a ver a minha vida a andar para trás. Faltar ao trabalho – muito fora de hipótese. A alternativa seria partir o coração ao meu pai, a quem prometi há mais de meio ano umas mini-férias para lambermos os dedos de peixe e marisco (yummi yummi), que eu não ando aqui a arranjar os dentes só para parecer bonita.

E estive assim, encostadinha à parede a pensar como resolver o problema. Eis que surge a ideia-luz: comprar a senha B a alguém. Realmente o dinheiro paga quase tudo. Estive a analisar potenciais fornecedores da dita senha, mas o cenário era pouco animador – casais aos amassos pelos cantos a sonharem com as férias a dois, famílias felizes a sonharem com as férias a quatro, as pessoas que estavam sozinhas muitíssimo bem vestidas e apertaltadas para a foto, que se estaríam a cagar de alto para mim e para os meus (no máximo dos máximos) 30 euros e pessoas com tão, mas com tão mau aspecto e tão mal-encaradas a quem me faltava lata para abordar.

Eis que, no meio do caos, encontro uma réplica do Obama. Um tipo normal, com uma pastinha na mão, uns ténis normais e mais ou menos lavados como os meus, uns olhos sinceros e uma senha B na mão. Respiro fundo e aproximo-me:

- Bom dia, desculpe incomodá-lo, mas…tem a senha B?
- Se eu tenho a senha B?
- Sim, tem a senha B? É que já não há mais senhas e eu estou numa situação delicada, vou viajar, roubaram-me o passaporte e eu queria perguntar-lhe se estaria interessado em vender a sua senha (o meu rosto em angelical-mode é indescritível).
- Ah! Sabe, eu nem vou tirar o passaporte (e saca do bolso a senha A). Eu tirei esta senha por engano, tome é sua! Vá com Deus e muito boa viagem!
- AHHHHH! Obrigadíssima!

Sorri aliviada e constatei que era o número 151.

4 hours later...

Era a última pessoa ali. Pode ser difícil de acreditar, mas aquela senha era exactamente a última (esclareceram-me que costumam encerrar a emissão à 150º senha)

Fiquei nojenta na fotografia, já que fui obrigada a mostrar o mais possível as orelhas e as sobrancelhas e tive de ajeitar o cabelo por forma a parecer uma doente mental.

Na altura de pagar, esqueceram-se de me cobrar os 30 euros da taxa de extravio. O que é fixe.

12 comentários:

Mr. M disse...

Que tu és uma cadela (bitch) sortuda já sabíamos, mas isto é qualquer coisa de incrivel!

Vamos pós copos!!! Caso tenhas esquecido! :P

sweetie disse...

Tu és mesmo sortuda pá! Também quero um bocadinho! =P

Marisa disse...

Que sorte! Gostei da ideia de comprar a senha, parece uma exelente opção para quem está mesmo à rasca. Se te houvem ainda fazem disso negócio.
No meio disto tudo ainda ganhaste 30€. Sortuda ;)

Maria Inês disse...

é assim mesmo!!! és a maior;)

Angelo disse...

Esta história é uma mistura de esperteza natural com uma grande sorte! Assim, uma mistura de 007 e Austin Powers!
Fixe!

Rita disse...

Estou chocada, isso é o exagero da sorte :)

Anónimo disse...

grande post! até aborrece ler!
e sim, o blog é teu e fazes dele o que quiseres, eu sei ;)

Aninha

Ruca! disse...

obama jesus salva.

*Sininho* disse...

Dentro do panorama que é tratar seja do que for nas rápidas, simpáticas e eficientes Loja do Cidadão, não te podes mesmo queixar!
Parece filme! Uma grande sorte!

Alexandra disse...

Há gente que tem mesmo cara de benfeitor.Calhou-te o Obama et voilá,ao menos que te safes em grande estilo :D

rosemary disse...

Bolas! Isso é o que eu chamo ter sorte! Ainda bem que conseguiste, eu desconfio que vou ter que madrugar para tirar o cartão do cidadão, são só 40 senhas por dia. Vai ser lindo.

bjs*

Poupinhas disse...

Grande aventura.. que provavelmente vou ter que passar porque nem eu sei onde anda o meu passaporte electrónico e diga-se de passagem que basicamente pareço uma pessoas com muitos problemas na fotografia..é só mais um motivo para qd for ir bem ajeitadinha de modo a ques e vejam as orelhas..