terça-feira, junho 9

pessoas fragilizadas, deprimidas ou com pouca estrutura mental – não leiam

Amanhã vou de mini-vacances com os meus progenitores e será coisa para durar até ao próximo domingo. Não sei muito bem para onde vamos, talvez lá para o fundinho da costa alentejana, mas para mim tanto faz, desde que haja sol, peixe fresco e um quarto limpinho que eu não tenha de pagar, está tudo bem.

Agora, pequeninos, prestem atenção: considerem a minha ausência com uma ligeira época de treinos e vejam lá como podem organizar a vossa vida da melhor maneira sem mim. É possível, garanto. Embora estejam um pouco ofuscados com o meu magnetismo e brilho natural, daqui por uns dias quando a ressaca tiver passado e criarem o necessário afastamento disto, até vão ver que afinal isto não é assim tãaaao bom. É bom, pronto. Mas não tanto.

Estes dias funcionarão como um pequeno ensaio para o que se seguirá dentro de dez dias. Eu já vos tinha dito que ia ao Brasil? Eu cheguei a dizer durante quanto tempo vou estar por lá? Não?
São três semanas pá. Três.

Agora fiquem com uma música que tem tudo a ver com o momento. Sim, o meu ego está aqui está a explodir e está totalmente fora do meu controlo, lamento muito tanta mania mas estou cada vez mais interessada em ser feliz.

6 comentários:

a estagiária disse...

xi.. que inveja.. e eu férias só em agosto se se...
Bom.. vou ali num instante por creme pra dor de cotovelo...

S* disse...

Realmente, ja estou abalada e ainda nao te foste. :P

Tres semanas no Brasil? Cabra. :D

Melhor, melhor, só a musica!

Laetitia disse...

Hoje estavas assi a puxar po mazinha...Só a puxar :p

Piston disse...

Não vais resistir e vais escrever de lá. Nem os bacanais te vão separar de nós.

Golem disse...

Vou ali cortar os pulsos... Se quando voltares ainda houver uma réstia de vida em mim, quero que me faças respiração boca a boca. Este é o último desejo de um homem moribundo...

that's it disse...

e pá, ja viste isto: http://www.youtube.com/watch?v=MGuE0C8x4-w&feature=related ? que deprimente, parece que está a morrer