segunda-feira, setembro 14

ultimamente, para além desta cena do despertador

tenho recebido comentários e e-mails muito giros. Agradeço os elogios e podem continuar, não se inibam. Agora, uma coisinha – tentem não usar tanto as classificações “neurótica” e “descompensada”. Pelo menos, não o façam em simultâneo. E tentem intercalar com outros adjectivos, que neutralizem os anteriores. Ah, e já agora, um tempo de respiração entre e-mails com as palavras “neurótica” e “descompensada” seria ouro sobre azul.
É que têm sido vários e ao mesmo tempo e eu começo a achar que pode muito bem não ser coincidência.

Eu não tenho problemas mentais. Aliás, eu sou um poço de saúde.
Mais perguntem à minha psicoterapeuta.

Ps – à Luz que me disse que até não se importava de me encontrar no Lux – continuo sem poder lá entrar por comportamento indecoroso.

5 comentários:

R.L. disse...

quando vai uma sushizada? já disse a Maria Inês...

Lion disse...

Eu percebo-te. A mim dizem que tenho uma personalidade estranha. Não faz mal, tenho mais cinco. Além do mais, o meu amigo imaginário diz-me que os outros são todos malucos, portanto é na boa.

Luz disse...

Subitamente, eu abro um dos meus blogs mais-que-tudo e tenho um recadinho para mim. Estou em casa dos meus pais e há um corredor grande. Fico completamente histérica e faço cinco corredores, para lá e para cá, a pensar «A Lady falou de MIM». Sou a maior pirosona da blogosfera, valha-me Deus. De qualquer modo, a alternativa a ser-se descompensado é ser-se obsessivo e os obsessivos são lixados. Pessoas descompensadas são muito mais giras. Pessoas daquelas com falhas narcísicas tão grandes que correm pelo corredor só porque alguém escreveu o nick delas.
Às vezes, também vou ao Music Box.

Lady Oh my Dog! disse...

hahahhahaaha! o que eu me ri agora!!

sushi, music box, tudo coisas boas :)

Frutinha disse...

Loool, deixa lá.. é so gentinha com inveja!!!!!! ;)