domingo, maio 23

rip

13 comentários:

Dora disse...

Caiu-me tudo agora...acabei de saber.
Sabe-se o que aconteceu?

Mi disse...

Dora, penso que ele teve um AVC. Também fiquei espantada quando soube.
kiss

S* disse...

Fiquei chocada...

Dora disse...

Mi, vi agora na tv. Coitado...

Anónimo disse...

corro o risco de ser altamente incompreendida mas a morte não é um choque, a morte é até um direito, recordemos o que se fez em vida mas por favor aprendamos a aceitar a morte com mais tranquilidade... ninguém é "coitado" por morrer.

Rocco disse...

Não pôde ver o Toy a ter um AVC quis logo ter um também. :|

Inês disse...

Desculpe lá, o "coitado" não é de morrer. É de perder a vida, se preferir. Nunca se vive o suficiente, percebe o ponto de vista?

Ricardo disse...

tadico... n ligo lá mt as musicas dele mas é uma perda no panorama musical...

Lady Oh my Dog! disse...

hahahahaa!
hahahahahhaa!
o que pr'aqui vai.
tirando o rocco, não são clientes habituais, pois não?

Anónimo disse...

és muita estúpida caralho

Lady Oh my Dog! disse...

sou estúpida porquê, caralho?

Anónimo disse...

Independentemente das músicas dele (que não gosto de todo!) a morte é sempre de lamentar... especialmente no caso desse senhor que faleceu tão novo (43 anos).

provocação disse...

Eu acho que a morte é de lamentar se preencher os seguintes critérios: ricos, conhecidos, bonitos e novos.
Não sendo assim, pobres, feios, anónimos e velhos. Cagari cagaró.