terça-feira, novembro 13

Estou de óculos de sol e fones nos ouvidos, demasiado distraída nos pensamentos da minha cabeça doente quando sinto um toque no ombro. É uma turista que precisa de explicações.
Devolvo uma expressão de horror e pânico como se ela tivesse o rosto encharcado sangue e aquele dedo um alfinete não no ombro mas no meio do e arranco os fones e os óculos da cara, tudo ao mesmo tempo, evidenciando a natural vocação para a desarticulação.
A sério. Quando é que eu aprendo que tirar os óculos não nos faz ouvir melhor?

5 comentários:

Isa Sena disse...

Como não?!!?!? Eu acho que está tudo ligadinho. Se vou a conduzir e sinto um qualquer cheiro estranho tenho de baixar o volume da música para cheirar melhor.

S. disse...

ahahah ri-me sozinha com este teu post, imginando a cena! ;)

Anónimo disse...

Isa Sena: ahahahahahah!

Buzz disse...

Ahahah muito bom! Obrigada por me teres feito rir :)

Um beijinho,
Laura

EK disse...

Lol